48% dos brasileiros não confiam na mídia

Em um cenário pandêmico, marcado pela pós-verdade e fake news, pesquisa da Statista indica um dado preocupante: quase metade dos brasileiros entrevistados não confia nos meios de comunicação. A pesquisa foi realizada em todo país e mostra que a percepção negativa da imprensa vem aumentando ao longo dos anos.

Com a credibilidade em baixa do mainstream midiático, fontes alternativas de notícia (quase sempre duvidosas) acabam por contribuir para o repertório informacional das pessoas (e o resultado nem sempre é positivo), vide os constantes casos de fake news e desinformação seja sobre a esfera política ou sobre a pandemia, em especial, a vacina.

O primeiro passo para se vencer fake news é contar com um respeitado sistema midiático e, para isso, os meios de comunicação precisam repensar seu habitus (como diria Bourdieu) para voltar a conquistar a confiança do público.

Sites, blogs, jornais, rádios e tvs precisam lembrar que a comunicação é um direito básico do cidadão, por isso a informação precisa ter mais elementos da “verdade” do que “ideológicos”. Ou a imprensa e os seus profissionais mudam a forma de contar história, ou entraremos para a história como veículos de comunicação sem credibilidade perante a sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *